Saúde e DDHH
25/10/2017
Alerj realiza Audiência Pública sobre o CEJA

Nessa quarta-feira, dia 25/10, foi realizada na Alerj uma Audiência Pública para discutir a situação do Centro de Ensino de Jovens e Adultos (CEJA).

Os representantes do Sepe, em suas falas, reconhecem a importância social e educacional dessa modalidade de escola, o CEJA, e apontaram a total falta de estrutura, investimentos e de vontade política dos representantes do governo de mudar a situação, que já arrasta há muito tempo.

Leia as questões levantadas pelo Sepe:

1) Falta de pessoal: faltam 46 professores e a Seeduc informou que “irá estudar o que fazer”. Sobre a falta de funcionários administrativos, a Secretaria vai estudar onde há carência ou excedentes;

2) Verbas: a Alerj vai encaminhar à Secretária de Fazenda que faça o repasse do salário-educação, em torno de R$ 3 milhões;

3) Eleição de direção: a Seeduc vai estudar um calendário. Neste ponto, o Sepe reivindicou que o calendário das escolas estaduais seja seguido também pelo CEJA;

4) Sobre a questão de CEJAs junto com Metro distantes (como o caso de Vassouras e Paulo de Frontin, ligado a Petropolis): a Seeduc reconhece a dificuldade, mas não apontou nenhuma solução;

5) Falta de merenda, material e outros (estrutura): foi informado pelos representantes do governo “que a situação será resolvido com um repasse, na próxima semana”.

Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do RJ
Endereço: Rua Evaristo da Veiga, 55 - 8º andar - Centro - Rio de Janeiro/RJ
Telefone: (21) 2195-0450