Saúde e DDHH
02/06/2011
Veja texto do panfleto que o Sepe está produzindo sobre o Conexão Educação e a audiência de prestação de contas do secretário Risolia na Alerj no dia 18 de maio


PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO!



Todos que estiveram na ALERJ, no dia 18 de maio, para acompanhar a audiência pública de prestação de contas da Secretaria Estadual de Educação relativa ao ano de 2010, pudemos testemunhar a vergonhosa participação da SEEDUC. Durante a apresentação, os assessores do secretário Wilson Risolia não conseguiram responder para a Comissão de Educação e Cultura o porquê dos dados da sua prestação de contas serem ainda os mesmos daqueles apresentados pela ex-secretária Tereza Porto numa audiência realizada no ano de 2005.

Conexão Educação foi desmascarado na Audiência

Quando a SEEDUC apresentou os dados recentes do “Conexão Educação” foi pior ainda, porque os mesmos dados tiveram sua veracidade colocados sob suspeita pela comissão. É bom lembrar que existe uma representação do deputado Marcelo Freixo no Ministério Público contra o Projeto do Conexão, pelo mesmo colocar notas nos boletins dos alunos que sequer tem professor em algumas disciplinas.

Nessa audiência, o SEPE quase não precisou intervir, porque os dados falaram por si mesmos, mostrando que o governo estadual promove uma grande  farsa quando diz que está investindo na educação estadual e isto tem que ser denunciado! Temos o exemplo da professora que se recusou a colocar nota em dois bimestres para alunos que não tiveram aula (ou o sistema assume o “Sem Professor” ou assume que mascara a real situação da rede). Mães dessa mesma escola denunciam que o boletim dos filhos ficou com nota 5 em disciplinas sem professor durante 3 bimestres. Vale a pena ver de novo a gravação dessa audiência na ALERJ! Até para aqueles que têm dúvida sobre o boicote, proposto pelo SEPE contra o Conexão Educação, terem certeza de que esta é a posição acertada contra o Plano de Metas.

SEEDUC pressiona para impedir boicote da categoria ao Conexão

Pelo fato de nosso movimento estar crescendo, a SEEDUC colocou em seu site um apelo e uma sutil ameaça que, no entanto, não impediu que fosse adiada, mais uma vez, o lançamento de notas nesse sistema totalmente desconectado com um projeto inovador de otimização de dados.

“Uma vez mais, gostaríamos de agradecer o comprometimento dos professores que trabalharam com empenho para fazer parte dos mais de 70% que lançaram suas notas até a semana passada.”

“O não lançamento das notas até o dia 05/06 caracterizará o não cumprimento das normas estabelecidas pela Secretaria.”

E como se não bastasse, ainda apela mais:

“O empenho do professor em atualizar o boletim dos alunos no Conexão Educação é a base fundamental para o sucesso da gestão do ensino no estado. A partir das notas lançadas, a SEEDUC poderá analisar, historicamente, o desenvolvimento do aluno. O lançamento de notas é um componente essencial para as ações de correção de rumos ao longo do ano.”

Balela! O sucesso da gestão do ensino não depende de lançamento de notas num sistema caro e ineficiente. As notas dos nossos alunos fazem parte de um compromisso dos educadores com o processo de ensino-aprendizagem do qual não abrimos mão. O componente essencial para uma gestão político pedagógica na educação é um Projeto (não “plano de metas”) comprometido com a educação pública, com a democracia, com a autonomia dos Ppps de cada escola, com uma política de salários dignos.

Por último, precisamos lembrar a algumasdiretoras que elas fazem parte da categoria e não podem se comportar como algozes a serviço do governo!

Profissionais de educação, vamos dar uma resposta a esse Plano de Metas no dia 07 de Junho!

Todos à assembléia da rede estadual no Clube Municipal na Tijuca, às 14h.

SEPE- SINDICATO ESTADUAL DOS PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO DO RIO DE JANEIRO

Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do RJ
Endereço: Rua Evaristo da Veiga, 55 - 8º andar - Centro - Rio de Janeiro/RJ
Telefone: (21) 2195-0450