Saúde e DDHH
05/02/2020
Rede municipal RJ entrou em estado de greve e participará da Greve Nacional da Educação dia 18/03
Em assembleia realizada nesta quarta-feira (dia 5/2) – dia da Greve de 24 horas na Educação Municipal do Rio – os profissionais da rede municipal decidiram, entre outras deliberações, entrar em estado de greve e aderir à Greve Nacional da Educação Pública no dia 18 de março, com assembleia em frente à prefeitura do Rio, às 13h. Neste dia, sindicatos, centrais trabalhistas e entidades ligadas ao setor educacional, assim como os movimentos civil e estudantil vão parar por 24 horas para realizar um protesto nas capitais e em várias cidades do país. O objetivo deste dia nacional de lutas é defender o FUNDEB e denunciar as políticas educacionais do governo Bolsonaro e seus projetos de reformas que visam destruir a educação pública, atacar os direitos dos trabalhadores e  dilapidar o patrimônio nacional. 
 
Paralisação e assembleia geral na prefeitura no dia da Greve Nacional
 
A rede municipal do Rio, em luta contra o descaso do governo Crivella, realizará uma assembleia geral no dia 18 de março (dia da Greve Nacional da Educação). Neste dia de paralisação e de lutas, a categoria irá realizar sua plenária na porta da prefeitura, às 13h e, depois, irá se integrar às atividades do Dia Nacional de Lutas pela Educação.
 
Outra deliberação importante tirada pela assembleia de hoje foi a mobilização junto às escolas e comunidades escolares para exigir da SME e do governo uma solução para os problemas com a qualidade da água proveniente da CEDAE e consumida nas unidades. Por conta destes problemas, a SME suspendeu o início do ano letivo para os alunos da rede municipal, previsto para esta quarta-feira (dia 5/2).
 
Veja o calendário de lutas aprovado pela plenária do município:
 
 
12/2: Participação da categoria no Ato da CEDAE; 
 
13/2: Plenária de merendeiras e serventes, no Sepe, na parte da tarde (horário a definir);
 
7/3: Plenária para discussão do sistema 3.0;
 
8/3: Participação das atividades e da Marcha do Dia Internacional da Mulher;
 
14/3: Plenária da Educação Infantil (local e horário a definir);
 
18/3: Participação com paralisação da Greve Nacional da Educação Pública, com assembleia na prefeitura, às 13h; e participação na passeata programada pelas Centrais Trabalhistas, às 17h, Candelária à Cinelândia.
Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do RJ
Endereço: Rua Evaristo da Veiga, 55 - 8º andar - Centro - Rio de Janeiro/RJ
Telefone: (21) 2195-0450