Página Inicial História Estrutura Jurídico Sindicalização Estatuto
Ouvidoria EAD
Saúde e DDHH
Fale com o Sepe
30/07/2020
REDE MUNICIPAL RJ DECIDE POR NÃO RETORNAR ÀS ATIVIDADES DIA 3 DE AGOSTO

Os profissionais de educação da rede municipal do Rio de Janeiro participaram nesta quinta-feira, dia 30, de assembleia e votação on-line convocadas pelo Sepe-RJ e aprovaram a proposta de entrar em greve contra a reabertura das escolas e das atividades escolares presenciais. Dessa forma, a categoria entrará em greve à medida que for convocada para o retorno a estas atividades presenciais. Com isso, as atividades on-line com os estudantes se mantêm - desde que se mantenham de forma complementar e não obrigatória, conforme decisões anteriores da categoria em relação ao ensino não presencial.

A assembleia virtual foi realizada a partir de 10h dessa quinta-feira. Foram apresentadas diversas falas nas quais os profissionais de educação, além de diretores do sindicato, se colocaram contra a volta às aulas enquanto a pandemia não estiver controlada, segundo padrões aferidos por entidades sanitárias e científicas, tendo a Fiocruz e universidades públicas à frente. A plenária ratificou a decisão aprovada no Conselho Deliberativo, realizado no dia 06 de junho, de defesa da saúde e da vida dos trabalhadores e estudantes das escolas.

Foi lembrado por todos, na plenária virtual, que a situação, infelizmente, está longe de estar controlada em nosso estado e especialmente na capital: o município do Rio de Janeiro passou nesta quarta-feira (29) dos 160 mil casos confirmados de Covid-19, segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde. O número de mortes chegou a quase 13,2 mil.

Em seguida à assembleia, a categoria votou, de modo on-line, a respeito da seguinte proposição:

“Em plena pandemia, Greve em defesa da vida devido à reabertura das escolas para a volta das atividades presenciais dos profissionais da educação. Professores e funcionários entrarão em greve à medida que forem convocados para o retorno das atividades escolares presenciais.”

A maioria esmagadora dos profissionais da rede municipal RJ votou “sim” à questão colocada acima: foram 263 votos totais, com 233 participantes votando a favor da greve (88,59%); 11 votos contrários (4,18%) e 19 abstenções (7,22%0) - foto ao lado.

Com isso, o Sepe-RJ convoca a categoria a se mobilizar e não aceitar a pressão para o retorno às atividades presenciais. O sindicato vem participando do Grupo de Trabalho da prefeitura onde, em conjunto com a maioria das entidades presentes, alertou a Secretaria Municipal de Educação RJ a não reabrir as escolas agora em agosto.

Também, em audiência do sindicato com a secretária Talma Romero Suane realizada nessa quarta-feira, dia 29, a diretoria do Sepe apresentou vários elementos e reafirmou o perigo para toda a comunidade escolar da volta apressada às atividades, como quer o prefeito e a SME – perigo não só para os profissionais, mas para estudantes, pais e responsáveis.

O Sepe reafirma que prestigia a comunidade científica, que de forma ampla e pública indica ser o retorno nesse momento inapropriado.

Conclamamos o apoio da sociedade carioca a essa nossa luta que, acreditamos, não é só dos servidores municipais da educação RJ, mas de toda a sociedade.

Nosso compromisso é com a vida e saúde de todos.

No sábado, dia 1º de agosto, a rede estadual de educação realizará assembleia e votação on-line para discutir a proposta de greve contra a volta das atividades presenciais em agosto. O link de cadastro para que os profissionais do estado participarem já está disponibilizado em nosso site.

Acréscimo: o Sepe enviou ofício nesta quinta-feira (dia 30/7) para o prefeito Marcelo Crivella, para dar ciência da deliberação da assembleia geral virtual da rede municipal, realizada nessa quinta (30). No documento, a coordenação geral do sindicato apresenta a deliberação da categoria, que aprovou a  greve à medida que for convocada para o retorno às atividades presenciais a partir do dia 03 de agosto. O documento foi protocolado no gabinete do prefeito, assim como foi  enviada cópia do ofício à Secretaria Municipal de Educação - leia aqui o ofício.

Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do RJ
Endereço: Rua Evaristo da Veiga, 55 - 8º andar - Centro - Rio de Janeiro/RJ
Telefone: (21) 2195-0450