Agende seu atendimento pelo Departamento Jurídico do Sepe no fone: (21) 2195-0457 (10h às 16h).

As redes sociais e a mídia convencional estão denunciando que policiais rodoviários federais invadiram uma reunião de profissionais de educação em Manaus, sem qualquer motivo legal. O fato ocorrido durante um encontro marcado por professores para discutir a mobilização da categoria está sendo amplamente divulgado pelas redes sociais e pela mídia convencional e é uma clara tentativa de intimidação do direito à livre manifestação e ao direito de reunião.

Nesta quinta-feira (dia 25), o presidente Bolsonaro estará em Manaus para uma visita à cidade e os três policiais armados que invadiram a reunião dos profissionais queriam saber quem eram os responsáveis por uma suposta "manifestação" contra o presidente que estaria sendo organizada naquele encontro. Mais uma mostra da falta de democracia e de arbítrio deste governo federal e dos governos que o apoiam, que não respeitam as liberdades democráticas e tentam intimidar os movimentos sociais. Veja mais pelos links:

https://tinyurl.com/y38u7esv 

https://tinyurl.com/y6hxjnvp

0