Agende seu Atendimento Virtual pelo Departamento Jurídico do Sepe nos fones: (21) 99992-4931 (9h às 11h); (21) 97133-7101 (13h às 15h); ou pelo email: juridico@seperj.org.br – segunda a sexta feira
Mais um ano em que o Brasil figura entre os 5 países com maiores números de feminicídio no mundo! De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil já tem a quinta maior taxa de feminicídios entre 84 nações pesquisadas. Segundo o Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2019, somente em 2018 foram 1.206 casos de feminicídio no Brasil. Em 2018 a Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) constatou uma intersecção entre essa violência, pois vivemos em um país estruturalmente racista e é preciso considerar que racismo e machismo caminham juntos e refletem no aumento generalizado de homicídios de mulheres negras, principalmente entre aquelas que moram na periferia.
A luta do feminismo precisa considerar a realidade de todas as mulheres. Dialogando com Angela Davis, ou o feminismo será plural, classista, antirracista, abolicionista e anticapitalista ou não será.
 
Diante de uma realidade tão perversa, somada a um (des)governo, fascista, machista e misógino, as mulheres irão as ruas mais uma vez no 8 de Março para lutar!
 
Em Rio das Ostras temos apenas 4 creches (de período parcial, que não atendem as demandas das mães e nem as necessidades educacionais das crianças) e mais de 300 crianças na fila de espera por vagas. Convivemos cotidianamente com violencia sexual, doméstica e enfrentamos uma crescente institucionalização da violÊncia obstétrica. Enquanto isso, o governo municipal apenas finge atuar, sem respostas concretas as demandas das mulheres.
 
PELA VIDA DE TODAS AS MULHERES, POR DEMOCRACIA E CONTRA A RETIRADA DE DIREITOS! POR MAIS CRECHES! POR MAIS SEGURANÇA! BASTA DE VIOLÊNCIA CONTRA NOSSAS VIDAS E NOSSOS CORPOS!
POR UMA RIO DAS OSTRAS DE CORAGEM FEMINISTA CONTRA A VIOLÊNCIA E OS GOVERNOS FASCISTAS!
0