destaque-home, Estadual, Todas

SEPE CONTATOU SEEDUC PARA COBRAR PAGAMENTO DA DIFERENÇA DA MUDANÇA DE CARGA HORÁRIA DE 16 PARA 18 HORAS

Nesta segunda-feira (dia 19 de setembro) o Sepe entrou em contato por telefone com a SEEDUC para solicitar informações sobre o pagamento da diferença resultante na ampliação da carga horária de 16 para 18 horas para professores da rede estadual. A superintendente de Gestão de Pessoas da Secretaria, Patrícia Reis, informou que sairá uma folha suplementar no mês de outubro com a diferença do acréscimo para 18 horas/aula, retroativo à data de publicação da lei que promoveu a modificação nos tempos de aula dos professores de 16 horas (30/6/2022). A folha suplementar será paga junto com o salário de setembro (a ser pago no início de outubro).

 

Já que não o fez em três anos, hoje, a SEEDUC vai tentar junto ao Ministério Público Estadual (MPE) uma forma de continuar convocando os concursados aprovados, sem que isso seja considerado uma ilegalidade eleitoral. Conseguindo atingir este objetivo, a Secretaria procederá a nomeação dos 600 professores, os quais já foram convocados, e realizará mais uma chamada de dois mil profissionais da educação aprovados em concurso.

 

Segundo Patrícia Reis, tão logo se conclua o período eleitoral, ela estará tentando junto à Secretaria de Estado de Fazenda a liberação do abono permanência atrasado.

 

Questionada sobre a solicitação de audiência com o secretário, ela ficou de verificar com ele como estaria a questão de agenda, para receber a direção do Sepe nesta semana.

 

Seguimos pressionando o governo em busca de respostas para as demandas da categoria.

 

Author


Avatar