destaque-home, Municipal, Todas

SEPE CRITICA GRAVAÇÃO NA PROVA DE LEITURA DA SMERJ

A SMERJ vem exigindo das professoras das classes de alfabetização nas escolas municipais, na Sala de Leitura, a gravação via celular da prova de leitura dos estudantes e a utilização de um aplicativo para posterior análise da prova. Inicialmente, a Secretaria havia orientado que os profissionais de educação utilizassem seus próprios celulares para fazer a gravação, o que trouxe problemas óbvios de estrutura.

Agora, a SME cedeu aparelhos celulares às escolas e vem cobrando a realização das gravações por parte das professoras, o que vem causando críticas e confusões, dado que o sistema foi imposto de cima para baixo, e sem maiores explicações. Há relatos ainda da cobrança da SME e CRE’s sobre direções e professoras para que realizem a correção destas avaliações, o que não era inicialmente proposto e extrapola as atribuições do cargo e sobrecarrega ainda mais o trabalho. Isso vem causando insatisfação da categoria e o Sepe vai pedir explicações à Secretaria sobre o assunto.

Author


Avatar