Agende seu Atendimento Virtual pelo Departamento Jurídico do Sepe nos fones: (21) 99992-4931 (9h às 11h); (21) 97133-7101 (13h às 15h); ou pelo email: juridico@seperj.org.br – segunda a sexta feira

Em assembleia virtual realizada nesta quarta-feira (dia 09 de dezembro), os profissionais de educação da rede pública municipal do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em defesa da vida apenas para os profissionais que ainda estão sendo convocados para atividades presenciais. Foi aprovada, também, a manutenção das atividades remotas, com a consequente suspensão da greve para os profissionais desconvocados para o trabalho presencial nas escolas.

O Sepe fez um modelo de texto para que os professores(as) comuniquem a adesão e suspensão da greve – clique aqui para ler.  

A favor da proposta vitoriosa, votaram 248 profissionais (88%); 11 votos (2%) pela suspensão da greve; 22 (8%) abstenções.

Participaram da votação um total de 281 profissionais.

Mesmo com a suspensão das aulas presenciais na semana passada pela prefeitura, muitos funcionários administrativos e as direções das escolas ainda estão trabalhando de forma presencial – por isso a decisão de a greve continuar nesse segmento. Além disso, as denúncias de escolas que estão sendo fechadas por confirmação ou suspeita de contaminação por covid dos profissionais continuam aumentando: o Sepe divulgou hoje (09/12) uma lista com 393 escolas fechadas, até agora.

Veja o calendário aprovado pela plenária virtual dos profissionais de educação abaixo e, na imagem, o gráfico da votação:

10/12 – 18h – Plenária comunitária virtual toda 5ª feira.


10/12 – 18h – dia de luta contra a reforma administrativa.


11 a 16/12 – Assembleias Regionais.


14/12 – 11h – Ato simbólico com representantes dos servidores na porta do Palácio da Cidade como em 2019. Transmissão ao vivo.


14/12 – 14h Plenária de PAEI com a presença do DJ.


18/12 – 11h – Próxima assembleia da rede municipal RJ.
 

0