Agende seu Atendimento Virtual pelo Departamento Jurídico do Sepe nos fones: (21) 99992-4931 (9h às 11h); (21) 97133-7101 (13h às 15h); ou pelo email: juridico@seperj.org.br – segunda a sexta feira

Nesta terça-feira (27/03), foi realizada audiência entre o Sepe e a SEEDUC. Veja o que foi discutido:

1 – Fechamento de turmas, turnos e escolas: citamos vários exemplos. Seeduc alegou que não há nenhuma escola fechada em 2018.

2- Circular 06 que proíbe diretores de realizar lista de espera: solicitamos aberturas de novas turmas para atendermos alunos que estão sem estudar.

3 – Professores de Espanhol: estes profissionais estão tendo que cumprir sua carga horária em várias escolas, pois os profissionais da escola não são orientados pela Seeduc, no ato da matrícula, a informar sobre a língua optativa.

4 – Professores de Artes: apresentamos as propostas e entregamos o documento discutido e aprovado na Plenária de Artes. Falamos sobre o Plebiscito da Metro 4. Neste ponto, a Seeduc afirmou que fará uma avaliação geral da situação de Artes e Espanhol e que nos dará retorno na próxima audiência. Cobramos que enquanto não ocorre a próxima audiência esses professores têm que ficar nas suas escolas como articuladores; vários estão sendo colocados como excedentes. 

5 – Sobre docentes II e locação aleatória: Seeduc afirmou que essa que essas questões só podem ser resolvidas pela Subsecretaria de Gestão de Pessoas.

6 – Outra questão tratada foi com relação aos articuladores que estão com carga horária maior do que a do edital de concurso. A Seeduc esclareceu que as direções não podem fazer isso.

7 – Sobre o ressarcimento dos 17 dias de greve em 2016: foi esclarecido que foram pagos 13.681 matrículas na primeira etapa e 4.262 matrículas na segunda etapa. Estão aguardando os pedidos de ressarcimento dos pagamentos pendentes e que assim que chegarem serão analisados e pagos.

8 – Sobre a circular 22 que informa às escolas sobre expediente normal no dia 29 de março: nas escolas que precisam repor dia letivo foi alegado que a escola (respeitando a autonomia) vai informar quais profissionais irão trabalhar neste dia para compensar o dia não letivo.

0